A partir de 2004, o Brasil passou a direcionar as novas instalações de quadros de distribuição de energia a adotarem o padrão europeu (IEC).  Com essa decisão, a CLAMPER voltou seus esforços para o desenvolvimento de um produto inovador, versátil e de qualidade comprovada: o VCL Slim.  Mas, qual foi o fator de inovação deste produto? É importante ressaltar que, apesar do Brasil recomendar às novas instalações a utilização do padrão IEC, mais de 90% dos quadros elétricos brasileiros apresentavam padrão NEMA (americano). Com essa consciência, a CLAMPER elaborou o produto de tal forma, que além de oferecer a opção de fixação tanto por meio de garras NEMA, quanto em trilhos DIN 35mm, o VCL Slim acompanhava consigo um adaptador, para ajustar sua concepção mecânica mais fina aos quadros NEMA, sem deixar os incômodos e inviáveis espaços vazios no quadro. Portanto, a terceira geração do VCL trouxe ao mercado um produto com foco na IEC – que norteava as novas instalações do Brasil – totalmente adequado para atender, sem nenhum problema, aos 90% dos quadros já instalados em nosso país, com padrão NEMA. O lançamento do VCL Slim obteve enorme sucesso no Brasil e motivou a exportação do produto a mercados que até então, pareciam distantes para a CLAMPER.